O Sistema Operacional base para a instalação do Hubsoft é o FreeBSD. A versão atual do sistema é homologada para o FreeBSD 12.0-RELEASE.

A instalação do HubSoft poderá ser efetuado utilizando 1 ou 2 máquinas. Ao utilizar 2 máquinas, a equipe do HubSoft irá separar a aplicação do sistema (ERP), da aplicação RADIUS (Autenticação).

Cenário Utilizando 2 máquinas (Recomendável): 

Máquina 1 – Sistema:

  • Sistema Operacional FreeBSD (Download da ISO FreeBSD)
  • 2 CPUs Intel Xeon, Core i5 ou AMD equivalentes
  • 4GB RAM (Recomendado acima de 6GB RAM)
  • 150GB HDD formatado em ZFS*
  • Porta SSH 2210

*FIQUE ATENTO AO FORMATO DE ARQUIVO A SER UTILIZADO NA MÁQUINA DO SISTEMA (ZFS)

Máquina 2 – Radius:

  • Sistema Operacional FreeBSD (Download da ISO FreeBSD)
  • 2 CPUs Intel Xeon, Core i5 ou AMD equivalentes
  • 3GB RAM
  • 50GB HDD formatado em ZFS**
  • Porta SSH 2211

**FIQUE ATENTO AO FORMATO DE ARQUIVO A SER UTILIZADO NA MÁQUINA DO RADIUS (ZFS)

Importante para cenários com 2 máquinas: Com exceção para ambientes que possuam storage dedicado de alta capacidade, é recomendado que os HDs das duas máquinas estejam hospedados em dispositivos físicos distintos.

Cenário Utilizando 1 máquina:

Máquina 1 – Sistema + Radius:

  • Sistema Operacional FreeBSD (Download da ISO do FreeBSD)
  • 4 CPUs Intel Xeon, Core i5 ou AMD equivalentes
  • 6GB a 8GB RAM
  • 200GB HDD formato em ZFS*
  • Porta SSH 2210

*FIQUE ATENDO AO FORMATO DE ARQUIVO A SER UTILIZADO (ZFS)

Link para download da ISO: Download da ISO do FreeBSD

Configuração da Rede

Para que o sistema funcione corretamente é necessário que a Máquina 1 possua um IP público ou um IP privado com as portas necessárias redirecionadas. A Máquina 2 deve possuir um endereço IP que seja alcançável em toda rede do provedor para permitir a autenticação e o envio de pacotes DAE/CoA.

As portas necessárias para o funcionamento da Máquina 1 são as seguintes:

  • Porta remota: 80, Porta local 80
  • Porta remota 443, Porta local 443
  • Porta remota 2200, Porta local 2200
  • Porta remota 2210, Porta local 2210 (SSH)
  • Porta remota 8443, Porta local 8443
  • Porta remota 9432, Porta local 9432
  • Porta remota 9091, Porta local 9091
  • Porta remota 10050, Porta local 10050

Já para a Máquina 2 (Caso Exista), somente as seguintes portas são exigidas:

  • Porta remota 2211, Porta local 2211 (SSH)
  • Porta remota 2201, Porta local 2201
  • Porta remota 10050, Porta local 10050

Testando a Performance do HD

É muito importante para o bom funcionamento do sistema que os discos tenham níveis de performance adequados. Para executar um teste simples de IOPS, siga os seguintes passos:

Descubra qual é o dispositivo de armazenamento primário do sistema. No caso abaixo é o dispositivo da0:

# gpart show
=>    17  435758  cd0  MBR  (851M)
      17  435758       - free -  (851M)

=>    17  435758  iso9660/12_0_RELEASE_AMD64_CD  MBR  (851M)
      17  435758                                 - free -  (851M)

=>       40  419430320  da0  GPT  (200G)
         40       1024    1  freebsd-boot  (512K)
       1064        984       - free -  (492K)
       2048    4194304    2  freebsd-swap  (2.0G)
    4196352  415232000    3  freebsd-zfs  (198G)
  419428352       2008       - free -  (1.0M)

Após descobrir qual é o dispositivo principal, execute o comando abaixo para executar um teste simples de performance:

# diskinfo -i /dev/da0
/dev/da0
	512         	# sectorsize
	214748364800	# mediasize in bytes (200G)
	419430400   	# mediasize in sectors
	0           	# stripesize
	0           	# stripeoffset
	26108       	# Cylinders according to firmware.
	255         	# Heads according to firmware.
	63          	# Sectors according to firmware.
	VMware Virtual disk	# Disk descr.
	            	# Disk ident.
	No          	# TRIM/UNMAP support
	Unknown     	# Rotation rate in RPM
	Not_Zoned   	# Zone Mode

Asynchronous random reads:
	sectorsize:     14181 ops in    3.060484 sec =     4634 IOPS
	4 kbytes:       13910 ops in    3.086735 sec =     4506 IOPS
	32 kbytes:      13315 ops in    3.032714 sec =     4390 IOPS
	128 kbytes:      7792 ops in    3.042354 sec =     2561 IOPS

Os valores de IOPS acima estão em faixas aceitáveis. Quanto maior o valor, melhor a performance.

Finalizando

Após instaladas as duas máquinas, é necessário criar um usuário de acesso para nossa equipe. Para isso, utilize o utilitário adduser conforme abaixo:

# adduser
Username: hubsoft
Full name: Hubsoft ERP
Uid (Leave empty for default):
Login group [hubsoft]:
Login group is hubsoft. Invite hubsoft into other groups? []: wheel
Login class [default]:
Shell (sh csh tcsh nologin) [sh]: csh
Home directory [/home/hubsoft]:
Home directory permissions (Leave empty for default):
Use password-based authentication? [yes]:
Use an empty password? (yes/no) [no]:
Use a random password? (yes/no) [no]: yes
Lock out the account after creation? [no]:
Username   : hubsoft
Password   : 
Full Name  : Hubsoft ERP
Uid        : 1007
Class      :
Groups     : hubsoft wheel
Home       : /home/hubsoft
Home Mode  :
Shell      : /bin/csh
Locked     : no
OK? (yes/no): yes
adduser: INFO: Successfully added (hubsoft) to the user database.
adduser: INFO: Password for (hubsoft) is: k4Pky31tY
Add another user? (yes/no): no
Goodbye!

Importante: Note que na pergunta “Invite hubsoft into other groups?” colocamos o grupo wheel, esta parte é importante para permitir que o usuário hubsoft consiga virar root. Caso tenha se esquecido de preencher esse campo, basta rodar o comando abaixo para adicionar o usuário no grupo:

# pw usermod hubsoft -G wheel

Após efetuar estes passos, envie os dados de acesso e autenticação para a nossa equipe. Em caso de dúvidas estamos à disposição.

Abaixo um vídeo demonstrativo de instalação do FreeBSD. (É importante que você utilize a ISO que está no link a seguir, ao invés de utilizar a indicada no vídeo (pois está desatualizada): Download da ISO do FreeBSD